quarta-feira, 23 de maio de 2012

| do amor incondicional

O que mais me custa é quando a minha mãe me parte o coração aos bocadinhos, mas por ela eu apanho todos esses bocadinhos e colo e volto a sorrir. É o amor, e no fundo eu sei que ela me partiu o coração porque tem um coração maravilhoso, porque é feita de uma fibra chamada bondade.
e a minha mãe perdoei tantas quantas foram necessárias, e colarei o coração tantas vezes quantas forem necessárias.

1 comentário:

Ana disse...

muito bonito:)
beijos