domingo, 30 de setembro de 2012

| Domingo de Outono

 
Outono? nah.
hoje o dia é de Primavera e só o posso observar.
 
Vou ter três apresentações ... e para a semana regresso a Lisboa. Confesso que já sinto saudades de lá, do Largo Camões, da Rua Augusta. Do metro cheio de pessoas de cara fechada todas embrenhadas nos seus pensamentos.
Para a semana volto a viver em Lisboa, por uma semana vou voltar a respirar aquele ar característico de Lisboa.
E é nestes momentos que sei que a minha base é o Porto, mas que não lhe pertenço. Porque o meu amor por Lisboa é tão grande como o amor que tenho ao Porto. Felizmente os clubismos não me afectam como afectam a algumas pessoa que existiam na minha vida antes de me mudar para Lisboa.
é estranha esta sensação de paz que cabe no coração, saborosamente estranha se é que isso existe. Tenho trabalho ainda mais que na primeira empresa que trabalhei em Lisboa, mas tenho liberdade para fazer cada espaço um reflexo dos meus conceitos. Os clientes que tenho encontrado têm sido maravilhosamente simpáticos, e de extremo bom gosto.
 
Pensar que à poucos meses atrás eu me sentia em baixo e um pouco derrotada, realmente o Universo sabe o que faz. E é imensa esta gratidão.

3 comentários:

Ana disse...

ainda bem que estás feliz:)
beijinhos

L. disse...

Bom saber isso! E já temos algo em comum. Larguei o Porto (onde estudei e vivi) por Lisboa, onde trabalho.
Adoro as duas cidades. Regresso ao Porto sempre que posso e ao Minho, onde pertenço.

Gostava de poder dizer o mesmo que tu em relação ao trabalho. Espero que não falte muito...

NaRiZiNhO disse...

Querida Ana
obrigado :)

L.
Sério? que giro :)
gosto de encontrar pessoas com histórias de vida semelhantes à minha :)
em relação ao trabalho, não desanimes. Não foi fácil chegar onde estou e claro ainda não é o meu trabalho de sonho, mas estou feliz com o que o universo me dá :)